Crônicas & Poemas

Amanhecer

João Carlos
Escrito por João Carlos

Sobre a expectativa de todos nós pelo início de uma nova era, a cada novo amanhecer.

É inegável que há uma expectativa contínua rondando todos nós de que cada amanhecer trará consigo o início de uma nova era. Acreditamos – nem que seja por um segundo – que cada dia nos reserva algo que porá um fim em nossa vida medíocre.

Mesmo tendo essa expectativa frustrada dia após dia, há uma leve sensação de que todo amanhecer pode ser um recomeço, e que a brisa fresca da manhã despertará nosso leão adormecido.

Interminável espera!

E é aí que reside nosso erro. Quem espera, nada faz. Esperamos porque nada fazemos,
e nada fazemos porque é preciso esperar.

Maldito ciclo vicioso!

Dessa forma seguimos até o fim da vida, ricos de justificativas e pobres de realizações.
Medo? Medo sei lá de quê. Se o fim será o mesmo para todos, a melhor coisa a se fazer é Viver.

 

Sobre o autor

João Carlos

João Carlos

João Carlos é um maltrapilho anônimo brincando de ser escritor. Em dias comuns, trabalha para sustentar seu vício em café e chocolate. Na folga, gasta a maior parte do seu tempo colecionando pensamentos subversivos. Repudia clichês, mas não resiste a uma alma sincera.